Alvaro Henrique
Por meio de suas performances, o violonista Alvaro Henrique conecta plateias com emoções e estórias que inspiram mudança. Suas apresentações incluem instrumentos antigos e modernos, e compositores como Villa-Lobos, Scarlatti, Tárrega, Tchaikovsky e Stravinsky. Alvaro trabalhou com os regentes Julio Medaglia, Ville Mankkinen, Angelo Cavallaro, e outros. Seus projetos incluem concertos que tratam de questões sociais.

CONCERTOS

Música & Política
O Concerto “Que Todos os Ditadores Caiam”, de J. Goldenbaum, promove uma reflexão sobre democracia, e foi composto a partir da “Primavera Árabe”; já o Concertino “Quê Que a Gente Faz?”, de J. Antunes, utiliza sons de uma desocupação de uma comunidade para refletir sobre a violência policial.

CONCERTOS

Brasil
Concertos para violão e orquestra de vários compositores brasileiros, como Villa-Lobos (Concerto para Violão e Introdução aos Choros), R. Gnatalli (Concerto à Brasileira e Concerto de Copacabana), Calimério Soares (Concertino para Violão, e grupo de madeiras, metais e percussão), J. Goldenbaum (Ode à Amizade para flauta, violão e orquestra, além do citado acima), J. Antunes, Ricardo Sousa-Castro (Concerto Homenagem a Villa-Lobos).
Recitais
Brasília 50
É uma obra dinâmica para violão e tape de Jorge Antunes que faz referência a eventos históricos, políticos e culturais desde 1960. O áudio gravado inclui entrevistas, discursos, e notícias relacionados a cada evento, desde um discurso de JFK a notícias da tortura de Wladimir Herzog pela ditadura militar.
Recitais
Saudade
Obras de compositores brasileiros e espanhóis celebrando o espírito da terra, da cultura, e do povo. Músicas de 1892 a 2010 de Villa-Lobos a Falla que variam desde hinos patrióticos a poemas de amor, de lembranças de amigos falecidos, a danças selvagens. Encontramos a nós mesmos - e nosso lar - entre as emoções retratadas.
Recitais
Violão Brasileiro
O Brasil tem uma longa história de grandes violonistas e compositores - com o sabor distinto de sua cultura. Esse programa diversificado inclui obras de alguns dos primeiros virtuoses brasileiros (Americo “Canhoto” Jacomino e Dilermando Reis), assim como compositores contemporâneos como Baden-Powell e Marco Pereira. O programa inclui obras de Claudio Santoro (marcando seu 100º aniversário) e de Villa-Lobos (nesse 60º anos de morte). Explore, conecte-se, e celebre o espírito criativo brasileiro.
Duo Mota Henrique
A MELODIA MÁGICA:

Apresentação para público infantil que conta a história de uma melodia mágica desde o castelo do rei da Prússia ao Brasil. Contada pelos músicos, a apresentação de cerca de 30 minutos tem música de Bach, Villa-Lobos, Baden-Powell e Diana Mota.

(INTER)NACIONALISMOS

Apresentação com músicas nacionalistas da Espanha, Argentina e Brasil, permitindo conhecer música clássica inspirada pela música popular de diversos países, além de J. S. Bach.

DVD
DVD Violão de Todos os Tempos
O DVD Violão de Todos os Tempos conta a história do violão desde a Babilônia até a modernidade, apresentando composições desde a primeira publicação para violão na história (El Maestro, de Luys Milán, impresso em 1536) à modernidade, tocadas em réplicas de instrumentos dos séculos XVI, XVIII, XIX e num violão moderno. As gravações foram realizadas durante aula-espetáculo em escolas públicas do DF (EC 501 de Samambaia, CEM 3 de Ceilândia, CEM 1 do Paranoá, CEM 1 de São Sebastião), e no Teatro Newton Rossi do SESC Ceilândia. No DVD há uma cartilhas com a história do violão
Brasília 50, by Jorge Antunes

Escrito em 2009, essa obra dinâmica para violão e tape, de Jorge Antunes, trata de eventos históricos, políticos e culturais, desde 1960. O áudio gravado inclui entrevistas, discursos, notícias, relacionados a cada evento, como um discurso de John F Kennedy no ano de seu assinato, o de Juscelino Kubistchek no ano de sua cassação, e […]

previous arrow
next arrow
ArrowArrow
Slider
Suas apresentações incluem vários instrumentos dedilhados cobrindo uma fascinante amplitude de histórias e culturas, de Villa-Lobos, Scarlatti, Giuliani a transcrições de Tchaikovsky, Stravinsky e novas obras.

Como solista, Henrique tocou em 15 países. Entre eles Estados Unidos, Finlândia, França, Alemanha, Argentina, Jamaica, e outros.

Com um interesse em ativismo social, os projetos de Alvaro incluem a encomenda de obras que tratam de questões sociais, como Brasília 50, de Jorge Antunes.

Agenda

Acompanhe a agenda de Alvaro Henrique, Shows, Espetáculos, Apresentações, Eventos.
25 de abril em Guarulhos, grátis

25 de abril em Guarulhos, grátis

 Dia 25 de abril estarei em Guarulhos para uma masterclass e um recital gratuitos, no Auditório do Conservatório Municipal de Guarulhos. Venha! Rua Abílio Ramos, 122 -...

ler mais
Save the Date: Concerts in Finland (Kemi, Ylivieska, Raahe)

Save the Date: Concerts in Finland (Kemi, Ylivieska, Raahe)

I just love Finland! And I'm coming back this January and February for concerts in this lovely country. I'll play Calimerio Soares' concerto for guitar, woodwinds, brass and percussion with the Kemi City Orchestra under Ville Mankkinen on 30 January, 7 pm, at the...

ler mais

Gravações

Suíte Candanga

O CD Suite Candanga apresenta obras de um projeto do violonista Alvaro Henrique para homenagear os 50 anos de Brasília. Quando da elaboração do projeto, o músico estudava na Alemanha e queria fazer da sua cidade natal a musa de novas obras.

Primeiro CD

O primeiro CD de Alvaro Henrique, percorre um largo afluente da música para violão, desde o que poderia ser um de seus nascedouros, a música para alaúde do inglês John Dowland, até desembocar em dois geniais compositores (e violonistas) do século que passou: os brasileiros Heitor Villa-Lobos e Garoto.

Jean Goldenbaum 2º CD

Alvaro Henrique participa nas faixas iniciais e finais do CD, os Concertos “Ode to Friendship”, para flauta, violão e orquestra (Vaasa Sinfonietta, regida por Ville Mankkinen), e o Concerto “May All Dictators Fall” para violão e orquestra de violões, ao lado da Camerata de Violões da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

DVD Violão de Todos os Tempos

O DVD Violão de Todos os Tempos conta a história do violão desde a Babilônia até a modernidade, apresentando composições desde a primeira publicação para violão na história (El Maestro, de Luys Milán, impresso em 1536) à modernidade, tocadas em réplicas de instrumentos dos séculos XVI, XVIII, XIX e num violão moderno. As gravações foram realizadas durante aula-espetáculo em escolas públicas do DF (EC 501 de Samambaia, CEM 3 de Ceilândia, CEM 1 do Paranoá, CEM 1 de São Sebastião), e no Teatro Newton Rossi do SESC Ceilândia. No DVD há uma cartilhas com a história do violão.

Espetáculos

Concertos para violão e orquestra de vários compositores brasileiros, como Villa-Lobos (Concerto para Violão e Introdução aos Choros), R. Gnatalli (Concerto à Brasileira e Concerto de Copacabana), Calimério Soares (Concertino para Violão, e grupo de madeiras, metais e percussão), J. Goldenbaum (Ode à Amizade para flauta, violão e orquestra, além do citado acima), J. Antunes, Ricardo Sousa-Castro (Concerto Homenagem a Villa-Lobos).
“Alvaro Henrique é um vencedor. Suas armas são as mais importantes e valiosas: a humildade, a técnica violonística, o bom gosto artístico, a sensibilidade, a musicalidade e a perseverança.”

  Jorge Antunes

Compositor

“Foi um prazer ouví-lo tocar com alma, bonito”

  Gilberto Tinetti

TV Cultura

“Acabo de ouvir seu CD: você é um verdadeiro mestre, maestro.”

  Ministro Marcos Vinícius Vilaça

Ministro

“Seu trabalho com a BRAVIO – Associação de Violão de Brasília – é muito importante para o desenvolvimento e disseminação do violão solo no Brasil.”

  Fabio Zanon

Diretor artístico Festival do Campos do Jordão

Blog

Conteúdo sobre violão clássico e musica erudita nacional e internacional, além de todas as informações, noticias e agenda do Violonista.
Villa-Lobos e Nazareth no Bravo!

Villa-Lobos e Nazareth no Bravo!

Dois grandes gênios brasileiros: Villa-Lobos tem forte influência da música indígena e da música urbana brasileira, que ouvimos na Introdução aos Choros e no Concerto para Violão e Orquestra. Ernesto Nazareth é o principal compositor para piano na transição do fim do...

ler mais
Nazareth e Beethoven no Bravo!

Nazareth e Beethoven no Bravo!

A Sexta Sinfonia de Beethoven, conhecida como Sinfonia Pastoral, é uma obra que conta uma estória - uma cena no campo, que inclui um temporal e uma festa. Seguimos com mais música para piano de Ernesto Nazareth, por Maria Teresa Madeira. Escute algumas obras-primas,...

ler mais

Galeria

Vídeos e fotos que contam como essa história vem sendo escrita.
Share This